A caminho do castelo -()-

O bosque não o via há tempo,
Numa floresta distante rumo ao castelo, ele seguia sua peregrinação para tomar de volta o trono.
Príncipe, porém ainda sapo.
Um velho amigo lhe fazia companhia na viagem, um velho guerreiro de rosto marcado.
Mãos calejadas e pernas cansadas, estas suportavam o peso dos erros da humanidade.
Ele nunca foi da corte! Mas era um guerreiro por sua bondade.
E a caridade o fazia irmão de trajetória, sonhos, aspiração.


Certo dia o guerreiro rumou ao mar, e despediu-se.
“Te vejo outra hora velho sapo, por hora, vou lutar minha própria batalha... existe uma moça de cabelos vermelhos por quem tenho passado os últimos anos a suspirar!”

“Ora seu louco sábio, se encontrar uma fada pelo caminho... Diga a ela que estou a caminho para tentar a encontrar.”

“De fato, se a ver direi que estás a procura-la”.
E então o guerreiro se perdeu. E o príncipe continuou sua busca... Sem saber ao certo se um dia ela iria voltar.
E então em meio aos espinhos, quando as esperanças já estavam por acabar ela apareceu.
Leve como um floco de neve. Linda como um anjo...
Ela agora estava diferente, seus cabelos refletiam a luz avermelhada de um por do sol.
Ainda era a mesma fada, a mesma leveza! A doce beleza.
Ela lhe abraçou e sorriu.
E ele então depois de muito tempo amou outra vez.


~ Aos olhos desatentos a história passou rápido demais.
Mas aos que prestarem a atenção nos versos da canção
Verão que nada é demais para quem ama.
O príncipe vai lutar, corre atrás do seu trono! Seu reino.
Com uma doce princesa ao seu lado.
E que lá deve ficar!
Ensinando ao príncipe sapo a cada dia, uma nova forma de amar!Quanto ao guerreiro, amigo verdadeiro sempre retorna.
E se algum dia ele precisar, o principe moverá seu e inferno.
pra não deixar qualquer turbulencia...
Seu velho amigo derrotar.





-

AS três pessoas do texto...

JOSÉ NILSON... Meu grande amigo de caminhada.
O Principe sapo, que habita em mim...
A senhora fada que tem feitos dos meus ultimos 2 meses, os mais maravilhosos!


Por: Luiz Carlos, Frog
Texto registrado

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores