Sabores...


Filosofias imbecis e histórias tolas que nunca foram postas em pratica.
Na pratica amor nenhum precisa de filosofia, quem diria...
A filosofia não é amor. Nem dor alguma...
Não é saudade... Nem alarde.
Amor é só amor.
Sem cor, cheiro e nem sabor.

Mas é inebriante por si só... Encantador como sempre foi.
É cego, e silencioso.
Mas forte e vigoroso!
Move montanhas e mares.
Mas nos mares calmos ele se instala.
Elas, culpadas por cultivar as flores belas de jardins escondidos.
São raras entre as que andam sobre a terra...
Amantes sedutoras, que nos encantam com um olhar!
Capaz de te fazer se afogar em uma inundação de sentimentos.
E palavras que você não vai conseguir falar.
Elas são magas, e frágeis em sua soberania.
Elas se instauram na fantasia dos poetas.
E dos românticos tolos que como eu, ainda acreditam em algo parecido com amor!
Apreciadores da beleza suprema, e da delicadeza às vezes bruta.
Que as torna a fruta mais saborosa e inalcançável.
Diria eu que os que as encontram ficam assim, embriagados com olhares e pernas.
Sussurros... E o jogar de cabelos, o balançar da cintura ao caminhar...
As curvas que definem o corpo, que brincam com a nossa imaginação.
E faz da incerteza surgir uma excitação, o desejo que nasce na troca de olhares.
E quem sabe quantos outros detalhes... somos capazes de notar.
E vez por outra um poeta fica mudo...
Por não ter a palavras certas para definir... O que em vós, nos faz simplesmente...
Lhes amar.
 ~

aqui deixo eu a minha pergunta ainda sem resposta: 

"  as mulheres são capazes de seduzir, sem tirar as roupas.... fazer você se sentir completametne perdido em simplesmente respirar ao pé do ouvido.
e encantar ao caminhar...
por que diabos então, elas se importam tanto com detalhes?
e dão importancia ao que uma pensa sobre a outra?
por que não nos permitem as compreender? tentar decifrar?
em dar a nós...  a opção de simplesmente admirá-las...sem ter motivo? de por que não... se apaixonar?"

  Um comentário:

Seguidores